domingo, 25 de janeiro de 2015

O quanto eu gostaria de ter..

Um labrador.

Há uns tempos atrás eu vim com um post parecido, lembram-se? Se não se estão a recordar, podem ver aqui. Nesse post até cheguei a referir que sou apaixonada por todo o tipo de animais, mas a minha verdadeira perdição são os gatos. A verdade é que me enganei a mim e enganei-vos também. 



Desde sempre que o meu tipo de cão preferido é, sem dúvida, o labrador. Já tive vários tipos de cães, desde caniches a "rafeirinhos", até que me mudei para um apartamento e a minha mãe achou que não tiramos condições para ter um cão dentro de casa. Por isso, começamos a adotar gatinhos, no post que eu referi anteriormente podem ver a gatinha mais linda que tenho comigo. Mas há uns tempos atrás, a minha mãe ficou completamente rendida por um yorkshire e acabou por traze-lo cá para casa. Como era piquininho, nos primeiros tempo até se foi portanto bem, fazendo as asneiritas dele, mas asneiras que nós conseguíamos controlar. Quando trouxemos a gata cá para casa, foi uma perdição, era brincadeira entre eles dia e noite. Mas com o passar do tempo, o Duddy, o nome do cãozito, foi ficando com ciúmes e começou a fazer asneiras que nós não conseguíamos controlar, por isso, acabamos por dá-lo a uns conhecidos da família onde o vamos visitar regularmente. Se a minha mãe achava que não podíamos ter um cão antes, depois de ter vivido esta experiência, nunca mais me deixaria ter um cão no apartamento. 




Entretanto, andamos em mudanças para uma casa, yay, e eu ando a convencer a minha mãe a termos um cão outra vez. Para me ajudar neste persuadimento, andei a pesquisar sobre este tipo de cães, e encontrei curiosidades interessantes. O labrador é um cão muito brincalhão e ativo, é um cão fiel e muito obediente. Por terem muitas habilidades, são treinados para serem cães guias, o que prova, mais uma vez, a sua obediência. Adaptam-se muito bem a todos os integrantes da família, o que é ótimo no meu caso, visto que tenho uma irmã mais nova que não resiste a animais, e convém ele se habituar à ideia de que vai ser "massacrado" o dia todo, o que não vai ser tarefa difícil para ele, visto que necessita de muita atenção e companhia. Um dos motivos que dei para convencer a minha mãe foi que, como as vezes estou sozinha por casa, seria uma bem valia para me dar sinal de quando alguém se tentasse aproximar, mas descobri numa conversa que este cães não são de todo os melhores para "guardar uma casa", mas a verdade é que, who cares?! São tão lindos!







Falando do tipo de cor deles, o meu preferido é o beje, acho-o a coisa mais linda, adoro mesmo. Já vi um chocolate e também gostei bastante, mas nada como um branco. Nunca vi um preto sem ser em fotos e, embora continue a ser um labrador e eu continue a adorar, não me caem os olhos como caem pelo beje.









Alguma de vocês têm um labrador? Como é te-lo em casa?
Eu volto terça, beijinho** 

10 comentários:

  1. Felizmente, sempre tive muita sorte em relação à minha casa, por isso sempre a tive cheia de animais.
    Já tive um dálmata, um caniche... Compreendo perfeitamente a tua paixão por animais, porque também a tenho.
    Nunca tive nenhum lavrador, mas são animais lindíssimos e muito fiéis. Acho que irias adorar!
    Beijinho :)

    https://inablackandwhiteclosetblog.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não acho, eu tenho a certeza que iria adorar!
      Beijinho ((:

      Eliminar
  2. São dos melhores cães que podemos desejar. Adoro o Yorkie!! Tenho dois xd Mas ninguém me tira a minha raçada a labrador. Foi a minha grandalhona que me salvou a casa duas vezes de um incêndio! Adorei o teu post e o teu blog, conta comigo como seguidora!! Beijinhos e continua!

    |BLOG|FACEBOOK|YOUTUBE| INSTAGRAM|

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada! É ótimo vir aqui ao blog e ler estes comentários de apoio, gostei tanto, obrigada mesmo *-*
      Beijinho (:

      Eliminar
  3. São tão fofos!! Gostava imenso de ter um!

    Eliana,
    http://around-eliana.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Eu não tenho um labrador, mas tenho um golden retriever (é quase igual mas tem o pêlo mais comprido :P) douradinho. São lindos e super amáveis! O meu ou é super energético ou super pachorrento, não tem meio termo, e adora mimo.
    Quanto ao facto de não serem ótimos "cães de guarda" tenho a dizer-te que por mais que uma vez, em situações mais desagradáveis, foi ele que me valeu e devo-lhe muita coisa.
    Se chegares mesmo a ter um, pensa em adotar em vez de comprares. Eles são bastante caros e enquanto compras um, morrem dois da mesma raça em canis por esse mundo fora....
    Beijinhos e não te esqueças de participar no Giveaway do blogue***
    Valentino, My Dear Blog | Valentino, My Dear Facebook
    PASSATEMPO GIVEAWAY

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, nunca pensei em adotar, mas tu realmente meteste-me a ideia na cabeça
      Beijinho (:

      Eliminar
  5. Adorei este post! :) adoro labradores, quer dizer adoro todos os cães xD eu tenho um boxer, é óptimo para ensinar e dá logo sinal quando ouve algo estranho :)
    blog: http://thebestofme10.blogspot.pt/

    ResponderEliminar